Translate this Page
  • Currently 2.56/5

Rating: 2.6/5 (263 votos)




ONLINE
8




Partilhe esta Página



 <!-- Go to www.addthis.com/dashboard to customize your tools -->
<script type="text/javascript" src="//s7.addthis.com/js/300/addthis_widget.js#pubid=ra-57f3fb36829d1888"></script>

 

 

  contadores de visitas 

 

Flag Counter


Comentario evangelho de Lucas cap.6 subsidio EBD
Comentario evangelho de Lucas cap.6 subsidio EBD

 

 

Comentario evangelho de Lucas cap.5 subsidio EBD

MAURICIO BERWALD PROFESSOR ESCRITOR

Comentário  Matthew Henry sobre a Bíblia

Introdução

Neste capítulo, temos a exposição de Cristo da lei moral, que ele não veio para destruir, mas para cumprir e preencher pelo seu evangelho. I. Aqui está uma prova da legalidade das obras de necessidade e misericórdia no dia de sábado, a primeira na vindicação de seus discípulos 'arrancando as espigas de milho, o último na vindicação de si mesmo curando a mão seca naquele dia, Lucas 6: 1-11 Lucas 6 : 1-11Lucas 6:12 Lucas 6: 13-16 Lucas 6: 17-19 Lucas 6: 20-49 . II. Sua aposentadoria para a oração secreta, Lucas 6:12 . III Sua chamada seus doze apóstolos, Lucas 6: 13-16 . IV. Ele curando as multidões daqueles sob várias doenças que fizeram sua aplicação a ele, Lucas 6: 17-19 . V. O sermão que ele pregou aos seus discípulos e à multidão, instruindo-os em seu dever tanto a Deus quanto ao homem, Lucas 6: 20-49 .

 

Versos 1-11

Obras de misericórdia adequadas ao sábado.

1 E sucedeu que, no segundo sábado após o primeiro, ele passou pelas plantações de milho e seus discípulos arrancaram as espigas e comeram, esfregando- os em suasmãos. 2 E alguns dos fariseus lhes disseram: Por que fazeis o que não é lícito fazer no sábado? 3 E Jesus, respondendo-lhes, disse: Nem ao menos tendes lido o que fez Davi, quando teve uma fome, e os que com ele estavam? 4Como ele entrou na casa de Deus, tomou e comeu os pães da proposição; também aos que estavam com ele, o que não é lícito comer senão somente pelos sacerdotes? 5 E ele lhes disse: O Filho do homem é Senhor também do sábado. 6 E sucedeu que, noutro sábado, entrou na sinagoga e ensinou; e havia um homem cuja destra estava endurecida. 7 E os escribas e fariseus o observavam, se no dia de sábado curaria, para que achassem uma acusação contra ele. 8 Mas ele conhecia seus pensamentos, e disse ao homem que tinha a mão ressequida: Levanta-te e levanta-te no meio. E ele se levantou e se levantou. 9 Disse-lhes, então, Jesus: Eu vos pergunto: É lícito no sábado fazer bem, ou fazer mal? para salvar a vida ou para destruiristo? 10 Olhando para todos os lados, disse ao homem: Estende a mão. E ele fez isso: e sua mão foi restaurada como a outra. 11E ficaram cheios de loucura e comungaram uns com os outros o que poderiam fazer a Jesus.

 

Estas duas passagens da história que tivemos em Mateus e Marcos, e eles estavam lá juntos ( Mateus 12: 1 Mateus 12: 1Marcos 2:23 , 3 : ; Marcos 2: 23,3: 1 ), porque, apesar de acontecer a uma certa distância de tempo uns dos outros, ambos eram destinada a corrigir os erros dos escribas e fariseus em relação ao dia de sábado, sobre o qual descansavam mais e requeriam maior rigor do que o legislador pretendia. Aqui,

 

  1. Cristo justifica seus discípulos em um trabalho de necessidade para eles mesmos naquele dia, e isso foi arrancar as espigas de milho, quando eles estavam com fome naquele dia. Esta história aqui tem uma data, a qual nós não tínhamos nos outros evangelistas no segundo sábado após o primeiro ( Lucas 6: 1 Lucas 6: 1 ), isto é, como Dr. Whitby acha que está bem claro, o primeiro sábado após o segundo dia de pão sem fermento, a partir do qual eles contaram as sete semanas para a festa de Pentecostes, a primeira das quais eles chamaram Sabbaton deuteroproton , o segundo deuterodeuteronLucas 6: 1 Lucas 6: 2 Lucas 6: 3 , 4 Lucas 6: 5 Jeremias 16:14 , 15, e assim por diante. Bendito seja Deus, não precisamos ser críticos neste assunto. Se esta circunstância foi mencionada para intimar que este sábado foi pensado para ter alguma honra peculiar sobre ele, o que agravou a ofensa dos discípulos, ou apenas para intimar que, sendo o primeiro sábado após a oferta dos primeiros frutos, era o tempo do ano em que o milho estava quase maduro, não é material. Podemos observar: 1. Os discípulos de Cristo não devem ser gentis e curiosos em sua dieta, a qualquer momento, especialmente nos sábados, mas aceitem o que é mais fácil, e sejam gratos. Estes discípulos arrancaram as espigas e comeram ( Lucas 6: 1) serviu-lhes um pouco e aquilo que não tinha delicadeza. 2. Muitos que são culpados dos maiores crimes estão à frente para censurar outros pelas ações mais inocentes e inofensivas, Lucas 6: 2 . Os fariseus brigavam com eles como fazendo aquilo que não era lícito fazer nos sábados, quando era prática deles alimentar-se deliciosamente nos sábados, mais do que em todos os outros dias. 3. Jesus Cristo justificará seus discípulos quando forem injustamente censurados, e os possuirá e os aceitará em muitas coisas que os homens lhes disserem que não lhes é lícito fazer.Quão bem é para nós que os homens não sejam nossos juízes e que Cristo seja nosso Advogado! 4. As nomeações cerimoniais podem ser dispensadas, em casos de necessidade, como a apropriação dos pães da proposição aos sacerdotes foi dispensada, quando Davi foi pela Providência trazido em tal estreito que ele deve ter tanto ou nenhum, Lucas 6: 3, 4. E, se as próprias designações de Deus podem ser reservadas para um bem maior, muito mais as tradições dos homens. 5. Os trabalhos de necessidade são particularmente permissíveis no dia de sábado, mas devemos prestar atenção para que não convertamos essa liberdade em licenciosidade, e abusemos das concessões e condescendências favoráveis ​​de Deus em prejuízo do trabalho do dia. 6. Jesus Cristo, embora tenha permitido obras de necessidade no dia de sábado, não obstante tenhamos que saber e lembrar que este é o seu dia e, portanto, deve ser gasto em seu serviço e para sua honra ( Lucas 6: 5 ): O Filho do homem é Senhor também do sábado. No reino do Redentor, o dia de sábado deve ser transformado no dia do Senhor a propriedade dela é, em alguns aspectos, alterada, e deve ser observada principalmente em honra do Redentor, como havia sido antes em honra do Criador, Jeremias 16: 14,15 . Em sinal disto, não só terá um novo nome, o dia do Senhor (ainda não esquecendo o antigo, pois ainda é um sábado de descanso), mas será transferido para um novo dia, o primeiro dia da semana.

 

  1. Ele se justifica em fazer obras de misericórdia para os outros no dia de sábado. Observe nisso: 1. Cristo, no dia de sábado, entrou na sinagoga. Nota: É nosso dever, como temos oportunidade, santificar os sábados em assembléias religiosas. No sábado deve haver uma santa convocação e nosso lugar não deve estar vazio sem uma boa razão. 2. Na sinagoga, no dia de sábado, ele ensinava. Dar e receber instruções de Cristo é um trabalho muito apropriado para um dia de sábado e para uma sinagoga. Cristo aproveitou todas as oportunidades para ensinar não apenas seus discípulos, mas a multidão. 3. O paciente de Cristo foi um dos seus ouvintes. Um homem cuja mão direita estava murchaveio aprender de Cristo. Se ele tinha alguma expectativa de ser curado por ele, não aparece. Mas aqueles que seriam curados pela graça de Cristo devem estar dispostos a aprender a doutrina de Cristo. 4. Entre aqueles que eram os ouvintes da excelente doutrina de Cristo e as testemunhas oculares de seus gloriosos milagres, alguns vieram sem outro desígnio a não ser discutir com ele, Lucas 6: 7 Lucas 6: 7 . Os escribas e fariseus não deveriam, como se tornaram generosos adversários, dar-lhe a devida advertência de que, se ele se curasse no dia de sábado, eles o interpretariam como uma violação do quarto mandamento, o qual eles deveriam em honra e justiça ter feito, porque era um casoLucas 6: 8 Lucas 6: 9 Lucas 6:10 Lucas 6:11sem precedentes (nenhum jamais tendo curado como ele), mas eles o observavam, como o leão presa, se ele se curaria no dia de sábado, para encontrar uma acusação contra ele, e surpreendê-lo com uma acusação. 5. Jesus Cristo não se envergonhou nem teve medo de possuir os propósitos de sua graça, em face daqueles que, ele sabia, os confrontava, Lucas 6: 8 . Ele conhecia as falhas deles, e o que eles projetaram, e ordenou ao homem que se levantasse e se levantasse,por meio deste, tentar a fé e ousadia do paciente. 6. Ele apelou para seus próprios adversários, e para as convicções da consciência natural, se foi o desígnio do quarto mandamento de impedir os homens de fazerem o bem no dia de sábado, o bem que a sua mão descobre fazer, o qual eles têm um oportunidade para, e que não pode muito bem ser adiada para outro tempo ( Lucas 6: 9 ): É lícito fazer o bem ou o mal nos sábados? Nenhum homem perverso é um homem tão absurdo e irracional quanto os perseguidores , que estudam para fazer o mal aos homens por fazer o bem. 7. Ele curou o pobre homem, e restaurou-o para o presente uso de sua mão direita, com uma palavra falando, embora ele soubesse que seus inimigos não só se ofenderiam com isso, mas tirariam vantagem contra ele por causa disso, Lucas 6: 10 . Não nos deixe afastar, seja do nosso dever ou utilidade, pela opressão que encontramos nela. 8. Seus adversários ficaram enfurecidos tanto mais contra ele, Lucas 6:11 . Em vez de serem convencidos por este milagre, como deveriam ter sido, que ele era um professor vindo de Deus - em vez de serem levados a amar com ele como um benfeitor para a humanidade - eles estavam cheios de loucura,vexame que eles não pudessem amedrontá-lo de fazer o bem, ou impedir o crescimento de seu interesse nas afeições do povo. Eles estavam bravos com Cristo, bravos com o povo, bravos com eles mesmos. A raiva é uma pequena loucura, maldade é uma longa um impotente maldade, especialmente decepcionado malícia tal era deles. Quando eles não puderam impedir que ele trabalhasse com esse milagre, eles comungaram uns com os outros o que poderiam fazer com Jesus, que outro modo eles poderiam tomar para derrubá-lo. Podemos ficar admirados com isso, pois os filhos dos homens devem ser tão perversos quanto a fazê-lo e que o Filho de Deus seja tão paciente a ponto de sofrer.

 

Versículos 12-19

Os Doze Apóstolos Escolhidos

12 E aconteceu naqueles dias que ele saiu a um monte para orar e continuou a noite toda em oração a Deus. 13 E quando chegou o dia, chamou -lhe os seus discípulos, e escolheu doze, aos quais também chamou apóstolos 14Simon (a quem ele também chamou Pedro), e André, seu irmão, Tiago e João, Filipe e Bartolomeu, 15 Mateus e Tomé, Tiago, filho de Alfeu, e Simão chamou Zelotes, 16 E Judas, o irmãode Tiago e Judas Iscariotes, que também era o traidor. 17 E desceu com eles, e parou na planície, e a companhia de seus discípulos, e uma grande multidão de pessoas de toda a Judéia e Jerusalém, e da costa do mar de Tiro e Sidom, que vieram para ouvi-lo e para serem curados das suas doenças 18 E os que se atormentaram com os espíritos imundos, e foram curados. 19 E toda a multidão procurava tocá-lo; porque dele saíra a virtude e curava a todos.

 

Nestes versículos, temos nosso Senhor Jesus em segredo, em sua família e em público e em todos os três agindo como ele mesmo.

 

  1. Em segredo , temos ele orando a Deus, Lucas 6:12 Lucas 6:12 . Este evangelista toma frequentemente conhecimento das aposentadorias de Cristo, para nos dar um exemplo de oração secreta, pela qual devemos manter nossa comunhão com Deus diariamente, e sem a qual é impossível que a alma prospere. Naqueles dias, quando seus inimigos estavam cheios de loucura contra ele, e estavam planejando o que fazer com ele, ele saiu para orar para que ele pudesse responder o tipo de Davi ( Salmo 109: 4 ), Para meu amor, eles são meus adversários, mas eu me entrego à oração. Observe, 1. Ele estava sozinho com Deus, ele saiu para uma montanha, para orar,Salmos 109: 4onde ele pode ter nenhuma perturbação ou interrupção dado a ele que nunca são menos sozinho do que quando estamos assim sozinho. Se havia algum lugar conveniente construído sobre esta montanha, para pessoas devotas se retirarem para suas devoções privadas, como alguns pensam, e que aquela oratória, ou lugar de oração, é aqui pretendida, ele proseuche tou theou , para mim parece muito incerto . Ele entrou em uma montanha para privacidade e, portanto, provavelmente, não iria a um lugar frequentado por outros. 2. Ele ficou muito tempo sozinho com Deus: Ele continuou a noite toda em oração. Nós achamos meia hora muito para gastar nos deveres do armário, mas Cristo continuounoite inteira em meditação e oração secreta. Temos muitos negócios no trono da graça, e devemos ter um grande prazer na comunhão com Deus, e por ambos podemos ser mantidos por muito tempo em oração.

 

  1. Em sua família , temos ele nomeando seus assistentes imediatos, que devem ser os constantes auditores de sua doutrina e testemunhas oculares de seus milagres, que daqui em diante possam ser enviados como apóstolos, seus mensageiros ao mundo, para pregar seu evangelho a ele. e plantar sua igreja nele, Lucas 6:13, Lucas 6:13 . Depois de ter continuado a noite toda em oração, alguém poderia pensar que, quando fosse dia, ele deveria ter se deitado e dormido um pouco. Não, logo que algum corpo estava se mexendo, ele chamou seus discípulos. Ao servir a Deus, nosso grande cuidado deve ser não perder tempo,Lucas 6:16mas para fazer o fim de um bom dever o começo de outro. Os ministros devem ser ordenados com oração mais do que ordinariamente solene. O número dos apóstolos era doze. Seus nomes são aqui registrados, é a terceira vez que nos encontramos com eles, e em cada um dos três lugares a ordem deles difere, para ensinar ministros e cristãos a não serem bons em precedência, não a dar , muito menos em tomá- lo, mas considerá-lo como algo que não vale a pena prestar atenção, seja como ele acende. Aquele que em Marcos foi chamado Tadeu, em Mateus Lebbeus,cujo sobrenome era Thaddeus, é aqui chamado Judas o irmão de James, o mesmo que escreveu a epístola de Judas. Simão, que em Mateus e Marcos era chamado de cananeu, é chamado aqui de Simão zelote, talvez por seu grande zelo na religião. Concernente a estes doze aqui nomeados temos razão para dizer, como a rainha de Sabá fez dos servos de Salomão, Felizes são teus homens, e felizes são estes teus servos, que estão sempre diante de ti, e ouvem que a tua sabedoria nunca foi tão privilegiada, e contudo, um deles tinha um diabo e provou ser um traidor ( Lucas 6:16 ), mas Cristo, quando o escolheu, não foi enganado nele.

 

III Em público nós o temos pregando e curando, as duas grandes obras entre as quais ele dividiu seu tempo, Lucas 6:17 Lucas 6:17 . Ele desceu com os doze da montanha, e ficou na planície, pronto para receber aqueles que recorriam a ele e que estavam reunidos atualmente sobre ele, não apenas a companhia de seus discípulos, que costumavam atendê-lo, mas também uma grande multidão de pessoas, uma multidão mista de toda a Judéia e Jerusalém.Lucas 6:17 , 18 Lucas 6:19 Embora fossem alguns quilômetros de Jerusalém até a parte da Galiléia, onde Cristo estava agora, embora em Jerusalém eles tivessem abundância de rabinos famosos, que tinham grandes nomes e possuíam grande influência, ainda assim vieram a ouvir a Cristo . Eles vieram também da costa marítima de Tiro e Sidom. Embora os que habitavam ali fossem em geral homens de negócios e, embora tivessem feito fronteira com os cananeus, ainda havia alguns bem afetados a Cristo, tais como dispersos em todas as partes, aqui e ali um. 1. Eles vieram para ouvi-lo e ele pregoupara eles. Aqueles que não têm boa pregação perto deles devem viajar para longe do que ficar sem ela. Vale a pena percorrer uma ótima maneira de ouvir a palavra de Cristo e sair do caminho de outros negócios para ela. 2. Eles vieram para ser curados por ele, e ele os curou . Alguns estavam com problemas no corpo, e alguns em mente alguns tinham doenças, alguns tinham demônios, mas tanto um como outro, após sua aplicação a Cristo, foram curados, pois ele tem poder sobre doenças e demônios ( Lucas 6: 17,18 ). , sobre os efeitos e sobre as causas. Não, deve parecer, aqueles que não tinhamdoenças particulares para reclamar de ainda achei uma grande confirmação e renovação para a sua saúde corporal e vigor para participar da virtude que saiu dele para ( Lucas 6:19 ) toda a multidão procurou tocá-lo, aqueles que estavam na saúde como bem como aqueles que estavam doentes, e eles eram todos, de uma maneira ou de outra, o melhor para ele: ele curou a todos eles e quem está lá que não precisa, em alguma conta ou outro, para ser curado? Há uma plenitude de graça em Cristo, e cura a virtude nele, e pronto para sair dele, isso é suficiente para todos, o suficiente para cada um.

 

Versículos 20-26

Bênçãos e desgraças.

20 E ergueu os olhos para os seus discípulos e disse: Benditos sejam os pobres; porque vossos são o reino de Deus. 21Bendes são agora a fome, porque sereis cheios. Bem-aventurados sois vós que choram agora; porque vos deveis rir. 22Beded are ye, quando os homens vos odeiam, e quando eles vos separarem da sua companhia, e vos repreender , e expulsos o seu nome como mal, para o Filho do homem. 23 Replicem-se naquele dia e saltem de alegria, pois eis que a tua recompensa égrande no céu, porque assim fizeram seus pais aos profetas. 24 Mas ai de vós que são ricos! porque recebestes o teu consolo. 25 Ai de vós que estão cheios! porque deves ter fome. Ai de vocês que riem agora! porque vós vos lamentareis e chorareis. 26 Ai de vós, quando todos os homens falarem bem de vós! porque assim fizeram seus pais aos falsos profetas.

 

Aqui começa um discurso prático de Cristo, que é continuado até o final do capítulo, a maioria dos quais é encontrada no sermão sobre o monte, Mateus 5: 1-7: 29 . Alguns pensam que isto foi pregado em algum outro tempo e lugar, e há outros exemplos da pregação de Cristo as mesmas coisas, ou com o mesmo significado, em diferentes momentos, mas é provável que isto seja apenas o resumo do evangelista desse sermão, e talvez em Mateus também não seja senão um resumo: o começo e a conclusão são praticamente os mesmos e a história da cura do servo do centurião segue-se a ela, tanto aqui como aqui, mas não é material. Nestes versos, temos,Mateus 5: 1-7 :

 

  1. Bênçãos pronunciadas sobre os santos sofredores, como pessoas felizes , embora o mundo tenha piedade deles ( Lucas 6:20 Lucas 6:20 ): Ele ergueu os olhos sobre seus discípulos, não apenas os doze, mas toda a companhia deles ( Lucas 6:17 ). e dirigiu seu discurso para eles, quando ele curou os doentes na planície, ele subiu novamente para a montanha, para pregar. Lá, ele sentou - se, como alguém que tem autoridade para onde eles vêm a ele ( Mateus 5: 1Lucas 6:17 Mateus 5: 1), e para eles ele dirigiu seu discurso, aplicou-os e ensinou-os a aplicá-lo a si mesmos. Quando ele o colocou como verdade, benditos são os pobres de espírito, acrescentou: Benditos sejam os pobres. Todos os crentes, que levam os preceitos do evangelho a si mesmos e vivem por eles, podem levar as promessas do evangelho a si mesmos e viver sobre eles. E a aplicação, como é aqui, parece especialmente projetada para encorajar os discípulos, com referência às dificuldades e dificuldades com as quais eles provavelmente se encontrariam, no seguimento de Cristo.

 

  1. "Você é pobre, você deixou tudo para me seguir, está contente em viver de esmola comigo, nunca deve esperar qualquer preferência mundana em meu serviço. Você deve trabalhar duro, e duramente, como os pobres fazem, mas você são abençoados em sua pobreza, não será nenhum preconceito em absoluto para sua felicidade ou melhor, você é abençoado para isto, todas suas perdas serão abundantemente compostas a você, para seu é o reino de Deus, todos os confortos e graças de seu aqui o reino e todas as glórias e alegrias de seu reino, daqui em diante o seu será , sim , o seu é. "Os pobres de Cristo são ricos em fé, Tg 2: 5Tg 2: 5 .

 

  1. "Você tem fome agora ( Lucas 6:21Lc 6:21 ), você não é alimentado ao máximo como os outros são, você freqüentemente se torna faminto, seus bens comuns são tão curtos ou você está tão atento ao seu trabalho que você não tem tempo para comer pão , você está contente com algumas espigas de milho para a carne de uma refeição, assim, você agora têm fome neste mundo, mas no outro mundo você deve ser preenchido, deve fome nem mais, nem sede mais nada. "

 

  1. "Você agora chorais, são muitas vezes em lágrimas, lágrimas de arrependimento, lágrimas de simpatia você é dos que choram em Sião Mas. Bem-aventurados sois suas tristezas presentes há preconceitos a sua alegria futuro, mas preparatories para ele: Você deve (risos) Você tem triunfos de reserva, mas semeia em lágrimas, e em breve colherá em alegria " , Salmos 126: 5,6 . Os que agora se entristecem depois de um tipo piedoso estão consolando confortos para si mesmos, ou melhor, Deus está consolando confortos para eles e está chegando o dia em que sua boca se encherá de risos e seus lábios se regozijarão.Salmo 126: 5 , 6 Jó 8:21 Jó 8:21 .

 

  1. "Agora você passa pela má vontade do mundo. Você deve esperar todo o tratamento básico que um mundo rancoroso pode lhe dar por amor de Cristo, porque você o serve e seus interesses você deve esperar que os homens iníquos o odeiam, porque sua doutrina e a vida o convence e os condena e aqueles que têm o poder da igreja em suas mãos o separarão,forçá-lo-á a separar-se e, em seguida, excomungá-lo por fazer isso e colocá-lo sob as censuras mais ignominiosas. Eles irão pronunciar anátemas contra você, como ofensores escandalosos e incorrigíveis. Eles farão isso com toda a gravidade e solenidade possíveis, e a pompa e a ostentação de apelos ao Céu, para fazer o mundo crer, e quase vocês também, que seja ratificado no céu. Assim, eles se esforçarão para torná-lo odioso para os outros e um terror para si mesmos. "Esta é a noção apropriada de ahorósimo em hymas - eles o expulsarão de suas sinagogas. " E aqueles que não têm esse poder não falharão. para mostrar a sua malícia, ao máximo do seu poder, pois eles te reprovarão,vai cobrar-lhe com os crimes mais negros, que você é perfeitamente inocente, vai fixar em você os personagens mais negros, que você não merece, eles vão expulsar seu nome como mal, seu nome como cristãos, como apóstolos eles farão tudo o que puderem para tornar esses nomes odiosos. "Esta é a aplicação da oitava beatitude, Mateus 5: 10-12Mateus 5: 10-12 .

 

"Esse uso parece difícil, mas abençoado quando você está tão acostumado. Está tão longe de privá-lo de sua felicidade que isso irá aumentar muito. É uma honra para você, como é para um herói corajoso ser empregado nas guerras, no serviço de seu príncipe e, portanto, alegrar-te naquele dia, e pular de alegria, Lucas 6:23Lucas 6:23 . Não apenas suportá-lo, mas triunfar nele. Para, "(1)" Você são altamente dignos no reino da graça, pois vocês são tratados como os profetas estavam diante de vocês e, portanto, não apenas não precisam se envergonhar disso, mas podem se alegrar justamente nele, pois será uma prova para vocês que vocês andam no mesmo espírito,e nas mesmas etapas, estão engajados na mesma causa, e empregados no mesmo serviço, com eles. "(2)." Você será recompensado por isso em abundância no reino da glória, não somente os seus serviços para Cristo, mas a sua sofrimentos virão na conta: Sua recompensa é grande no céu. Aventure-se em seus sofrimentos, acreditando que a glória do céu irá compensar todas essas dificuldades, de modo que, embora você possa ser um perdedor para Cristo, você não será um perdedor por ele no final. "

 

  1. Os males denunciados contra os pecadores em prosperidade como pessoas miseráveis, embora o mundo os inveje. Estes não tínhamos em Mateus. Deveria parecer, a melhor exposição destes problemas, comparada com as bênçãos precedentes , é a parábola do homem rico e Lázaro. Lázaro teve a bem-aventurança daqueles que são pobres, e famintos, e choram agora, pois no seio de Abraão todas as promessas feitas àqueles que o fizeram foram feitas para ele, mas o rico teve as aflições que se seguem aqui, o caráter daqueles em quem essas desgraças são acarretadas.

 

  1. Aqui está uma aflição para aqueles que são ricos, isto é, que confiam nas riquezas, que têm em abundância as riquezas deste mundo, e, ao invés de servirem a Deus com isso, servem as suas concupiscências com elas ai, pois elas receberam o consolo deles, aquilo em que eles colocaram sua felicidade, e estavam dispostos a aceitar uma porção, Lucas 6:24Lucas 6:24 . Eles, em sua vida, receberam as coisas boas, que, em sua conta, eram as melhores coisas e todas as coisas boas que provavelmente receberiam de Deus. "Vocês que são ricos estão na tentação de colocar seus corações em um sorrisomundo, e dizer, Alma, tome a sua facilidade nos abraços disto, Este é meu resto para sempre, aqui eu habitarei e então ai para você. "(1) É a loucura dos mundanos carnais que eles consumam as coisas deste mundo , as quais eram destinadas apenas à sua conveniência. Elas se agradam com elas, se orgulham delas e as transformam em seus céus na terra e para eles, as consolações de Deus são pequenas, e de nenhuma importância. (2) É a sua miséria que eles são colocados fora com eles como seu consolo.Deixem que eles saibam disso, para o terror deles, quando eles se separam dessas coisas, há um fim de todo o seu conforto, um fim final, e nada resta para eles, a não ser miséria e tormento eternos.

 

  1. Aqui está uma aflição para os que estão cheios ( Lucas 6:25 Lucas 6:25 ), que são alimentados ao máximo, e têm mais do que o coração poderia desejar ( Salmo 73: 7 ), que têm suas barrigas cheias dos tesouros escondidos desta mundo ( Salmo 17:14 ), que, quando eles têm abundância destes, estão cheios, e pensam que eles têm o suficiente, eles não precisam mais, eles não desejam mais, Apocalipse 3:17 . Agora estais completos, agora estais ricos, 1 Coríntios 4: 8 . Eles estão cheios de si mesmos,Salmo 73: 7 Salmo 17:14 Apocalipse 3:17 1 Coríntios 4: 8 sem Deus e com Cristo. Ai de tais coisas, pois eles terão fome, eles serão em breve despojados e esvaziados de todas as coisas de que eles são tão orgulhosos e, quando eles deixarem para trás no mundo todas as coisas que são sua plenitude, eles devem levar embora eles, tais apetites e desejos, como o mundo que eles removerem, não lhes darão nenhuma satisfação, pois todas as delícias do sentido, das quais agora estão tão cheias, serão negadas no inferno e , no céu, superadas.

 

  1. Aqui está uma desgraça para os que riem agora, que têm sempre a disposição de serem alegres, e sempre algo para se alegrar com aqueles que não conhecem outra alegria além da que é carnal e sensual, e não conhecem outro uso do bem deste mundo. que puramente para satisfazer aquela alegria sensual carnal que expulsa a tristeza, até mesmo a tristeza divina, de suas mentes, e está sempre entretendo-se com o riso do tolo. Ai de tais coisas, pois só agora, por pouco tempo, elas riram , devem chorar e chorar brevemente, lamentarão e chorarão eternamente, em um mundo onde não há nada a não serchorando e lamentando, infindável , sem vida e tristeza sem remédio.

 

  1. Aqui está uma desgraça para aqueles de quem todos falam bem, isto é, que fazem dela o grande e único cuidado para ganhar o louvor e o aplauso dos homens, que se valorizam mais do que pelo favor de Deus e sua aceitação. ( Lucas 6:26Lucas 6:26 ): " Ai de vós que é, seria um mau sinal que você não era fiel à sua confiança, e às almas dos homens, se você pregou de modo que ninguém ficaria enojado por seu negócio é para falar às pessoas sobre suas faltas, e, se você fizer isso como deveria, você terá aquela má vontade que nunca fala bem. ” Os falsos profetas, de fato, que lisonjeavam seu pai em seus maus caminhos, que profetizavam coisas suaves. para eles, foram acariciados e bem falados e, se você for do mesmo modo gritado, você será justamente suspeito de lidar enganosamente como eles fizeram. "Devemos desejar ter a aprovação daqueles que são sábios e bons, e não Seja indiferente ao que as pessoas dizem de nós, mas, como devemos desprezar as afrontas, devemos também desprezar os louvores, os tolos em Israel.

 

Versículos 27-36

Exortações à justiça e misericórdia.

27 Mas digo-vos que escutai: Amai os vossos inimigos, faze o bem aos que te odeiam, 28 Abençoa os que te amaldiçoam e ora por aqueles que o maltratam. 29 E àquele que te ferir numa face, também ofereceis o outro, e ao que te tira a capa, não se arrisque a tirar a túnica. 30 Dá a cada um que pedir por ti e ao que tira os teus bens, e não peçam a eles . 31 E como queres que os homens façam a ti, também fazeis a eles o mesmo. 32 Pois se amais os que te amam, que agradeço a vós? porque os pecadores também amam aqueles que os amam. 33 E se fazes bem aos que te fazem bem, que agradeço a vós? porque os pecadores também fazem o mesmo. 34 E se emprestardes a elesde quem esperais receber, que agradeço a vós? porque os pecadores também emprestam aos pecadores, para receberem de novo tanto. 35 Amai, porém, os vossos inimigos, e faze o bem, e empresta, esperando por nada outra vez, e vossa recompensa será grande, e sereis os filhos do Altíssimo, porque ele é bondoso para com o iníquo e para o mal. 36 Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.

 

Estes versículos concordam com Mateus 5:38 Mateus 5:38 , até o fim desse capítulo: Eu digo a vocês que ouvem ( Lucas 6:27 ), a todos vocês que ouvem, e não apenas aos discípulos, pois estas são lições de preocupação universal. Quem tem ouvidos, ouça. Aqueles que diligentemente ouvem a Cristo devem descobrir que ele tem algo a dizer para eles que vale a pena ouvir. Agora as lições que Cristo aqui nos ensina são,Lucas 6:27

 

  1. Que devemos prestar a todos os seus devidos, e ser honesto e justo em todos os nossos negócios ( Lucas 6:31Lucas 6:31 ): Como queres que os homens façam a vós, fazei-lhes também do mesmo modo para isso é amar o próximo como vocês mesmos. O que deveríamos esperar, em razão, ser feito a nós, seja na justiça ou caridade, por outros, se eles estivessem em nossa condição e nós em nós, que, conforme o assunto, nós devemos fazer a eles. Nós devemos colocar nossas almas no lugar de suas almas, e então ter compaixão e socorrê-las, como deveríamos desejar e justamente esperar sermos nós mesmos lamentados e socorridos.

 

  1. Que devemos ser livres para dar a eles que precisam ( Lucas 6:30Lucas 6:30 ): " Dê a todo homem que pede a você, a todo aquele que é um objeto apropriado de caridade, que queira coisas necessárias, que você tem para suprir." das tuas superfluidades. Dá para aqueles que não são capazes de ajudar a si mesmos, para aqueles que não têm relações em uma capacidade para ajudá-los. Cristo teria seus discípulos prontos para distribuir, e dispostos a se comunicar, ao seu poder em casos comuns, e além de seu poder em extraordinário.

 

III Que devemos ser generosos em perdoar aqueles que foram prejudiciais para nós.

 

  1. Não devemos ser extremos em exigir o nosso direito, quando nos é negado: " Aquele que tira o seu manto, seja à força ou fraudulentamente, não o proíba , por qualquer meio violento, de tomar também a sua túnica, Lucas 6:29 Lucas 6:29 . ele também tem isso, em vez de lutar por ele. E ( Lucas 6:30 Lucas 6:30 ) daquele que toma os teus bens "(assim o Dr. Hammond acha que deve ser lido)," que os toma emprestados, ou que os retira de cima de você Confiança, de tal não os exija se a Providência tiver cometido tal insolvência, não se aproveite da lei contra eles, mas, antes, perca-a do que os leve pela garganta,Mateus 18:28 Mateus 18:28 . Se um homem fugir em tua dívida e levar os teus bens com ele, não te intrigas, nem te indignes contra ele.

 

  1. Não devemos ser rigorosos em vingar um erro quando é feito a nós: " Aquele que te ferir numa face, em vez de propor uma ação contra ele, ou mandar uma ordem para ele, ou trazê-lo perante uma justiça , ofereça também o outro "isto é," passe-o, embora assim você possa estar em perigo de trazer sobre si outro como em dignidade, o que é comumente fingido em desculpa de tirar vantagem da lei em tal caso. Um te ferir no rosto, em vez de dar outro golpe para ele, estar pronto para receber outro dele "isto é," deixar a Deus para pleitear tua causa, e você se senta em silêncio sob a afronta ". Quando fazemos assim, Deus ferirá nossos inimigos,sobre o osso da face, de modo a quebrar os dentes do ímpio ( Salmo 3: 7Salmos 3: 7 ), pois ele disse: "A vingança é minha, e ele fará parecer que é assim quando deixamos a ele a vingança."

 

  1. Não, devemos fazer o bem aos que fazem mal a nós. É isso que nosso Salvador, em Lucas 6: 27-36Lucas 6: 27-36 , principalmente planeja nos ensinar, como uma lei peculiar à sua religião, e um ramo da perfeição dela.

 

(1) Devemos ser gentis com aqueles de quem sofremos ferimentos. Não devemos apenas amar nossos inimigos, e ter uma boa vontade para eles, mas devemos fazer o bem a eles, estar prontos a fazer qualquer bom ofício a eles como a qualquer outra pessoa, se o caso deles exigir, e seja no poder de nossas mãos para fazê-lo. Devemos estudar para fazer parecer, por atos positivos, se há uma oportunidade para eles, que não lhes damos malícia, nem vingamos. Eles nos amaldiçoam , falam mal de nós e nos desejam mal? Eles nos usam inoportunamente, em palavras ou ações? Eles se esforçam para nos tornar desprezíveis ou odiosos? Vamos abençoá-los e orar por elesfale bem deles, o melhor que pudermos, desejaremos bem a eles, especialmente a suas almas, e seremos intercessores com Deus por eles. Isto se repete, Lucas 6:35 Lucas 6:35 : ame seus inimigos e faça-os bem. Para recomendar este difícil dever para nós, é representado como uma coisa generosa, e uma conquista chega poucos. Para amar aqueles que nos ama não tem nada incomum nele, nada peculiar para os discípulos de Cristo, para os pecadores vão amar aqueles que os amam. Não há nada que nega a si mesmo na medida em que é apenas seguir a natureza, mesmo em seu estado corrupto, e não coloca nenhuma força sobre ela ( Lucas 6:32).Lucas 6:32 Lucas 6:33): não é graças a nós que amamos aqueles que dizem e fazem exatamente como gostaríamos. "E ( Lucas 6:33 ) se você fazer o bem para os que fazem o bem para você, e retornar as suas bondades, é a partir de um princípio comum de costume, honra e gratidão e, portanto, que ação de graças e você? O que o crédito é você para o nome de Cristo, ou que reputação você traz para ele - também para os pecadores, que nada sabem de Cristo e sua doutrina, fazem o mesmo, mas torna-se você fazer algo mais excelente e eminente, aqui fazer o seu vizinhos, para fazer aquilo que os pecadores não farão, e que nenhum princípio deles pode fingir alcançar: você deve ser bom para o mal"não que qualquer agradecimento seja devido a nós, mas então nós somos ao nosso Deus por um nome e um louvor e ele terá o agradecimento.

 

(2) Devemos ser gentis com aqueles de quem não esperamos nenhum tipo de vantagem ( Lucas 6:35 Lucas 6:35 ): Lend, esperando por nada novamente. Significa que os ricos emprestam aos pobres um pouco de dinheiro para sua necessidade, para comprar pão diário para si e para suas famílias, ou para mantê-los fora da prisão. Nesse caso, devemos emprestar, com uma resolução para não exigir juros pelo que emprestamos, como podemos fazer com justiça daqueles que pedem dinheiro emprestado para fazer compras ou negociar com ele. Mas isso não é tudo o que devemos emprestar, embora tenhamos razões para suspeitar que o que emprestamos nos perde,Deuteronômio 15: 7-10emprestar àqueles que são tão pobres que não é provável que possam nos pagar novamente. Este preceito será melhor ilustrado pela lei de Moisés ( Deuteronômio 15: 7-10 ), que os obriga a emprestar a um irmão pobre tanto quanto ele precisava, embora o ano da libertação estivesse próximo. Aqui estão dois motivos para essa generosa caridade.

 

[1] Isto redundará em nosso proveito, pois nossa recompensa será grande, Lucas 6:35Lucas 6:35 . O que é dado, ou colocado, ou emprestado e perdido na terra, de um verdadeiro princípio de caridade, será feito para nós no outro mundo, indizivelmente a nosso favor. "Você não será apenas recompensado, mas recompensado, grandemente recompensado, será dito a você: Vem, ó bendito, herde o reino. "

 

[2] Isso redundará em nossa honra, pois aqui nos assemelharemos a Deus em sua bondade, que é a maior glória: " Vocês serão os filhos do Altíssimo, pertencerão a ele como seus filhos, sendo como ele". É a glória de Deus que ele é gentil com o ingrato e com o mal, confere os dons da providência comum até mesmo ao pior dos homens, que o estão provocando todos os dias, e se rebelando contra ele, e usando esses mesmos dons ao seu desonra. Daí ele infere ( Lucas 6:36 Lucas 6:36 ), seja misericordioso, como seu Pai é misericordioso, isso explica Mateus 5:48 , " Seja perfeito, como nosso Pai é perfeito.Mateus 5:48 Colossenses 3:14Imite seu Pai naquelas coisas que são suas mais brilhantes perfeições. "Aqueles que são misericordiosos como Deus é misericordioso, mesmo para o mal e o ingrato, são perfeitos como Deus é perfeito, então ele se agrada graciosamente aceitá-lo, embora infinitamente falhe. A caridade é chamada de vínculo da perfeição, Colossenses 3:14 . Isso deve nos engajar fortemente para sermos misericordiosos com nossos irmãos, mesmo aqueles que foram prejudiciais para nós, não apenas que Deus é assim para os outros, mas que ele é tão para nós. , embora tenhamos sido e somos, mal e ingrato, é de suas misericórdias que não somos consumidos.

 

Versículos 37-49

Exortações à Justiça e Sinceridade.

37 Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; perdoai, e sereis perdoados. 38 Dai, e ser-vos-á dada boa medida, pressionado e sacudido, e Atropelando, os homens darão em seu peito. Pois com a mesma medida com que medis vos medirão novamente. 39 E falou uma parábola para eles: Pode o cego guiar o cego? Eles não cairão ambos na vala? 40 O discípulo não está acima do seu senhor; mas todo aquele que é perfeito será como o seu senhor. 41 E por que vês o argueiro que está no olho do teu irmão, mas não percebe a trave que está no teu olho? 42 Ou como podes dizer ao teu irmão, irmão, deixa-me tirar o argueiro que está no teu olho, quando não vês a trave que está no teu olho? Hipócrita, tira primeiro o facho do teu olho, e então verás claramente para tirar o argueiro que está no olho do teu irmão. 43 Porque uma árvore boa não produz fruto corrupto, nem uma árvore má produz frutos bons. 44Porque toda árvore é conhecida pelo seu próprio fruto. Porque dos espinhos não se apanham figos, nem de espinheiro, que apanham uvas. 45 O homem bom, do bom tesouro do seu coração, tira o bem, e o homem mau, do mau tesouro do seu coração tira o que é mau, porque da abundância do seu coração fala a boca. 46 E por que me chamais Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu digo? 47 Todo aquele que vem a mim, ouve as minhas palavras e as pratica; Mostrarei a quem ele é semelhante: 48 Ele é como um homem que construiu uma casa, cavou fundo e lançou os alicerces sobre uma rocha; e quando o dilúvio se levantou, o regato bateu veementemente naquela casa, e não pôde sacode-a, porque foi fundada sobre uma rocha. 49 Mas o que ouve, e não pratica é semelhante a um homem que, sem fundamento, edificou uma casa sobre a terra, contra a qual o riacho bateu veementemente, e logo caiu, e a ruína daquela casa foi grande.

 

Todos esses ditos de Cristo que tivemos antes em Mateus, alguns deles em Mateus 7: 1-29Mateus 7: 1-29 , outros em outros lugares. Eram ditos que Cristo usava com frequência que precisavam apenas ser mencionados, era fácil aplicá-los. Grotius pensa que não precisamos ser críticos aqui em busca da coerência: eles são sentenças de ouro, como os provérbios ou parábolas de Salomão. Vamos observar aqui

 

  1. Devemos ser muito sinceros em nossas censuras aos outros, porque precisamos de grãos de subsídio: "Portanto , não julguem outros, porque então vocês mesmos não serão julgados, portanto, não condenem outros, porque então vocês mesmos não serão condenados, Lucas 6:37Lucas 6:37 Exercer para os outros que a caridade que não pensa mal, que tudo suporta, crê e espera que todas as coisas, e depois outras, exerçam essa caridade para com você Deus não julgará e condenarávocês, homens, não. "Aqueles que são misericordiosos com os nomes de outras pessoas, encontrarão outros misericordiosos com os deles.

 

  1. Se formos de um espírito que dá e perdoa , colheremos o benefício disso: perdoe e você será perdoado. Se perdoarmos os ferimentos causados ​​a nós por outros, outros perdoarão nossas inadvertências. Se perdoarmos as ofensas dos outros contra nós, Deus perdoará nossas ofensas contra ele. E ele não será menos consciente do liberal que conceber as coisas liberais ( Lucas 6:38 Lucas 6:38 ): Dê, e será dado a você. Deus, em sua providência, irá recompensá-lo a você, é emprestado a ele, e ele não é injusto para esquecê- lo (Hebreus 6:10Hebreus 6:10 ), mas ele pagará novamente. Os homens devem devolvê-lo ao seu seio, pois Deus freqüentemente faz uso de homens como instrumentos, não apenas de sua vingança, mas de sua recompensadora justiça. Se de maneira correta dermos aos outros quando eles precisarem, Deus inclinará os corações dos outros para nos dar quando precisarmos, e para dar liberalmente, boa medida, pressionados e abalados juntos. Eles que semear abundantemente deve colher com abundância. A quem Deus recompensa ele recompensa abundantemente.

 

III Devemos esperar sermos tratados como lidamos com os outros: com a mesma medida que vos medem, ser-vos-á novamente medida. Aqueles que lidam mal com os outros devem reconhecer, como Adoni-bezeque ( Juízes 1: 7Juízes 1: 7 ), que Deus é justo, se os outros lidarem com eles, e eles podem esperar ser pago em sua própria moeda, mas aqueles que tratam gentilmente com os outros, temos razões para esperar que, quando tiverem ocasião, Deus os levará a amigos que lidem com eles gentilmente. Embora a Providência nem sempre cumpra essa regra, porque as retribuições completas e exatas são reservadas para outro mundo, ainda assim, ordinariamente, observa uma proporção suficiente para nos deter de todos os atos de rigor e nos encorajar em todos os atos de beneficência.

 

  1. Aqueles que se colocam sob a orientação dos ignorantes e errôneos provavelmente perecerão com eles ( Lucas 6:39Lucas 6:39 ): O cego pode guiar o cego? Os fariseus, cegos de orgulho, preconceito e fanatismo, podem conduzir os cegos para o caminho certo? Não ambos cairão juntos na vala? Como eles podem esperar qualquer outro? Aqueles que são conduzidos pela opinião comum, curso e costume, deste mundo, são eles mesmos cegos, e são conduzidos por cegos, e perecerão com o mundo que está nas trevas. Aqueles que ignorantemente, e em um empreendimento, seguem a multidão para fazer o mal, seguem os cegos no caminho largo que leva os muitos adestruição.

 

  1. Os seguidores de Cristo não podem esperar melhor tratamento no mundo do que o seu Mestre, Lucas 6:40Lucas 6:40 . Que eles não se prometam mais honra ou prazer no mundo do que Cristo, nem visem a pompa e a grandeza mundanas das quais ele nunca foi ambicioso, mas sempre recusaram, nem afetaram esse poder nas coisas seculares que ele não assumiria, mas cada um que se mostre perfeito, um discípulo estabelecido, que seja como seu Mestre - entregue ao mundo, e cada coisa nele, como seu Mestre, deixe-o viver uma vida de trabalho e abnegação como seu Mestre, e faça de si mesmo um servo de todos que se abaixe e trabalhe, e faça todo o bem que puder, e então ele será um discípulo completo.

 

  1. Aqueles que se encarregam de repreender e reformar os outros preocupam-se em considerar que eles próprios são irrepreensíveis, inofensivos e sem repreensão, Lucas 6: 41,42 . 1. Aqueles com uma graça muito doente censuram as falhas de outros que não estão cientes de suas próprias falhas. É muito absurdo qualquer um fingir ser tão perspicaz a ponto de espionar pequenas faltas nos outros, como um cisco no olho, quando elas mesmas estão tão perfeitamente sentindo do passado que não percebem um raio em seu próprio olho. 2. Eles são totalmente incapazes de ajudar a reformar outros cuja caridade reformadora não começa em casa. Como podes oferecer o teu serviço ao teu irmão, para tirar o argueiro dos olhos, o que requer bom olho e boa mão, quando tu tens umLucas 6:41 , 42irradie-se em seu próprio olho, e não faça queixa disso? 3. Aqueles, portanto, que seriam úteis às almas dos outros, devem primeiro fazer parecer que são solícitos sobre suas próprias almas. Ajudar a tirar o cisco do olho do nosso irmão é um bom trabalho, mas então devemos nos qualificar para ele começando por nós mesmos e nossa reforma de nossas próprias vidas pode, pela influência do exemplo, contribuir para os outros reformando os deles.

 

VII. Podemos esperar que as palavras e as ações dos homens será de acordo como eles são, de acordo como o seu coração está, e de acordo como os seus princípios são.

 

  1. O coração é a árvore, e as palavras e ações são frutos de acordo com a natureza da árvore, Lucas 6: 43,44 . Se um homem é realmente um homem bom, se ele tem um princípio de graça em seu coração, e a inclinação e inclinação prevalecentes da alma são para Deus e para o céu, embora talvez ele não seja abundante em frutos, embora alguns de seus frutos sejam explodiu, e embora ele possa ser às vezes como uma árvore no inverno, ainda assim ele não produz frutos corruptos embora ele não possa fazer a você todo o bem que ele deveria, mas ele não fará em nenhum caso material você ferir. Se ele não pode reformar maus modos, ele não irá corromper as boas maneiras. Se o fruto que o homem produz for corrupto,Lucas 6:43 , 44 Isaías 32: 6 1 Samuel 24:13se a devoção de um homem tende a corromper a mente e a conversação, se a conversa de um homem for violenta, se ele for um bêbado ou fornicador, se ele for um jurante ou mentiroso, se ele for em qualquer caso injusto ou antinatural, seu fruto é corrupto e você pode ter certeza de que ele não é uma boa árvore. Por outro lado, uma árvore corrupta não produz bons frutos, embora possa produzir folhas verdes para espinhos; os homens não colhem figos, nem de amoreira colhem uvas. Você pode, por favor, enfiar figos em espinhos e pendurar um cacho de uvas em um espinheiro, mas eles não são, nem podem ser, o produto natural das árvores, então você não pode esperar nenhuma boa condutadaqueles que têm justamente um mau caráter. Se a fruta for boa, você pode concluir que a árvore é assim se a conversa for santa, celestial e regular, embora você não possa infalivelmente conhecer o coração, ainda assim você pode caritativamente esperar que seja correto com Deus, pois toda árvore é conhecida por sua fruta. Mas a pessoa vil falará vilania ( Isaías 32: 6 ), e a experiência dos modernos aqui concorda com o provérbio dos antigos, que a maldade procede dos iníquos, 1 Samuel 24:13 .

 

  1. O coração é o tesouro, e as palavras e ações são as despesas ou produzir desse tesouro, Lucas 6:45 Lucas 6:45 . Isto nós tivemos, Mateus 12: 34,35 . O amor reinante de Deus e Cristo no coração denomina um homem um homem bom e é um bom tesouro um homem pode trazer o que é bom. Mas onde o amor do mundo e da carne reina há um tesouro mau no coração, do qual um homem mau está continuamente trazendo o que é mau e pelo que é gerado você pode saber o que está no coração, como você pode saber o que está no vaso, água ou vinho, pelo que é extraído dele,Mateus 12:34 , 35 João 2: 8 João 3:31 John 2: 8 . Da abundância do coração a boca fala o que a boca ordinariamente fala, fala com deleite e prazer, geralmente concorda com o que é íntimo e superior no coração: Aquele que fala da terra é terreno, João 3:31 . Não, mas que um bom homem pode possivelmente cair uma palavra ruim, e um homem mau fazer uso de uma boa palavra para servir uma volta ruim, mas, na maioria das vezes, o coração é como as palavras são, vão ou grave , por isso, nos preocupa para encher nossos corações, não somente com o bem, mas com a abundância dele.

 

VIII. Não é suficiente ouvir as declarações de Cristo, mas devemos fazê- las não o suficiente para professar relações com ele, como seus servos, mas devemos ter consciência de obedecê-lo.

 

  1. Está colocando uma afronta sobre ele para chamá-lo de Senhor, Senhor, como se estivéssemos totalmente à sua disposição, e nos dedicássemos ao seu serviço, se não fizermos a consciência de nos conformarmos com a sua vontade e servirmos aos interesses de sua reino. Nós apenas zombamos de Cristo, como aqueles que diziam com desprezo: Salve, Rei dos Judeus, se o chamamos sempre Senhor, Senhor, e ainda andamos no caminho de nossos próprios corações e à vista de nossos próprios olhos. Por que o chamamos Senhor, Senhor, em oração (compare Mateus 7: 21,22 ), se não obedecermos a seus mandamentos? Aquele que desvia seu ouvido de ouvir a lei, sua oração será uma abominação.Mateus 7:21 , 22

 

  1. É colocar uma fraude sobre nós mesmos se pensarmos que uma profissão nua da religião irá nos salvar, que ouvir as palavras de Cristo nos levará ao céu, sem fazer eles. Isto ele ilustra por uma semelhança ( Lucas 6: 47-49Lucas 6: 47-49 ), que mostra,

 

(1) Que eles apenas se certifiquem de trabalhar por suas almas e pela eternidade, e tomem o rumo que os manterá em um tempo difícil, que não somente vêm a Cristo como seus eruditos, e ouvem seus ditos, mas os fazem, que pensam, falam e agem em tudo, de acordo com as regras estabelecidas de sua santa religião. Eles são como uma casa construída sobre uma rocha. Estes são os que se esforçam na religião, como eles fazem, que cavar fundo, que encontrou sua esperança em Cristo, que é a rocha das eras (e outro fundamento não pode homem leigos) estes são os que fornecem para o futuro, que prepare-se para o pior, que acumule uma boa base para o futuro,para a eternidade vindoura, 1 Timóteo 6:191 Timóteo 6:19 . Aqueles que assim fazem bem para si mesmos, [1.] Eles devem manter sua integridade, em tempos de tentação e perseguição quando outros caem de sua própria firmeza, como a semente no solo pedregoso, eles devem permanecer firme no Senhor. [2] Eles devem manter seu conforto e paz, e esperança e alegria, no meio das maiores aflições. As tempestades e as correntes de aflição não os chocarão, pois seus pés estão sobre uma rocha, uma rocha mais alta do que eles. [3.] Seu bem-estar eterno é garantido. Na morte e julgamento estão seguros. Crentes obedientes sãomantido pelo poder de Cristo, através da fé, para a salvação, e nunca perecerá.

 

(2) Que aqueles que descansam em uma escuta nua dos ditos de Cristo, e não vivem para eles, estão apenas se preparando para uma decepção fatal: Aquele que ouve e não faz (que conhece o seu dever, mas vive no negligenciando isso), ele é como um homem que construiu uma casa sem fundação. Ele se agrada com esperanças de que não tem base, e suas esperanças falharão quando ele mais precisar do conforto delas, e quando ele espera a coroação delas quando a corrente bate com veemência em sua casa, ela se foi, a areia é construído em cima é lavado, e imediatamente cai, Tal é oesperança do hipócrita, embora ele tenha ganhado, quando Deus tira a sua alma , é como a teia de aranha e a renúncia do fantasma.

notas fonte coment.Mattew Henrys /mauricioberwald.comunidades.net